nans @ 00:46

Ter, 02/10/12

Não há nada que possa dizer sobre este livro que já não tenha dito sobre o anterior livro desta saga, O Beijo da Meia Noite.
As personagens continuam a ser pouco tratadas, tornando difícil qualquer ligação com elas. E talvez esse seja o maior defeito desta saga. A autora preocupa-se mais a dar-nos a personagem do presente e não o seu passado. Ela coloca um vampiro que viveu vários séculos, na nossa era, como se ele tivesse aterrado no século XXI de pára-quedas.
Uma melhoria é que ela já começa a introduzir neste livro a história do próximo guerreiro ... mas não quero já fazer a festa por causa disso, talvez depois de ler o livro do Tegan possa dizer realmente que a saga começa a ir pelo melhor caminho.
Quanto á escrita, atrevo-me a dizer que é quase poética a maneira como ela descreve as coisas. Vê-se uma clara preocupação em transmitir uma visão correcta das coisas ao leitor. E se há livros em que isso é mau, neste é fantástico.


Sinopse;
Ele chega até ela mais morto que vivo, um enorme estranho vestido de preto, crivado de balas e a perder muito sangue. Enquanto luta para salvá-lo, a médica veterinária Tess Culver não faz ideia de que o homem que se chama Dante não é totalmente humano, mas um membro da Raça, guerreiros vampiros envolvidos numa batalha desesperada. Num momento único e carregado de erotismo, Tess é lançada no mundo dele - um lugar perigoso e sombrio onde vampiros Renegados vagueiam na noite trazendo o terror. 
Assombrado por visões de um futuro obscuro, Dante vive e luta como se não houvesse amanhã. Tess é uma complicação de que ele não precisa - mas agora, com os seus irmãos sob ataque, ele deve protegê-la de uma ameaça crescente, que o inclui a ele próprio. Por causa de um beijo rápido e irresistível, ela tornou-se parte do seu reino subterrâneo... e o toque dele desperta-a para dons escondidos, desejos e fomes que ela nem sonhava possuir. Ligados pelo sangue, Dante e Tess devem trabalhar juntos para acabar com os inimigos mortais, ao mesmo tempo que descobrem uma paixão que transcende os próprios limites da vida...