nans @ 14:51

Dom, 14/10/12

Bem, não há grande coisa a dizer sobre este livro. Básicamente é a apresentação do mundo draki e das personagens da saga, logo, é bastante dificil julgar já a história em si, apesar de ter lido algures que o livro é comparado á saga Twilight, mas com dragões, o que não deixa de ser verdade, mas pode-se dizer que é muito bem escrita e que não existe nenhum vampiro que brilha como uma bola de espelhos ao sol.
É uma leitura simples e rápida, mas que não deixa de ser uma boa escrita. É tudo descrito ao pormenor, sem no entanto se tornar enfadonho.
Também é de realçar que ganha pontos pela originalidade da escolha de uma criatura mítica e não dos habituais seres sobrenaturais que abundam na literatura de hoje em dia.
Espera-se pelo segundo volume.


Sinopse;
Marcada como especial numa idade precoce, Jacinda sabe que cada movimento seu é controlado, mas anseia pela liberdade de poder fazer as suas próprias escolhas. Quando quebra o princípio mais sagrado entre a sua espécie, quase chega a pagar por isso com a própria vida. Até ser salva por um belo desconhecido. Um desconhecido que foi enviado para caçar aqueles que são como ela. Jacinda é uma draki - descendente de dragões cuja maior defesa é a habilidade secreta de mudar para a forma humana.
Forçada a fugir para o mundo mortal com a sua família, Jacinda esforça-se por se adaptar ao seu novo ambiente. A sua única luz é Will. Um jovem lindo e evasivo que devolve a vida ao seu draki interior. Embora se sinta irresistivelmente atraída por ele, Jacinda sabe o segredo obscuro de Will: ele e a sua família são caçadores. Deve, por isso, evitá-lo a todo custo. 
Mas o seu draki interior está a morrer lentamente - se ele morrer, ela será humana para sempre. Fará tudo para impedir que isso aconteça. Mesmo que isso signifique ficar mais perto do seu mais perigoso inimigo. 
Poderes míticos e um romance de tirar o fôlego inflamam a história de uma rapariga que desafia todas as expectativas e cujo amor atravessa quaisquer obstáculos.


find it ...: